2 Followers
3 Following
smhenriques

smhenriques

Currently reading

A Breath of Snow and Ashes
Diana Gabaldon
O Nascimento de Vénus
Sarah Dunant, Sofia Gomes
Uma Fazenda em África
João Pedro Marques
Debaixo de Algum Céu
Nuno Camarneiro
As Luzes de Leonor
MARIA TERESA HORTA
As Mulheres de D. Manuel I - María Pilar Queralt del Hierro A história de Isabel de Aragão, a primeira esposa de D.Manuel, é para mim é a mais mal contada de todas. Não conta praticamente nada da relação entre os dois. Numa página conta o casamento, na página a seguir a rainha morre. O casamento durou pouco tempo, mas acho que podia ser mais bem contada.As estórias das rainhas a seguir tiveram “mais sorte”, contou-se mais sobre a vida delas durante o casamento. Parte da estória das próprias rainhas, e das outras cortes que de alguma forma influenciam a corte portuguesa, são contadas por carta. Carta que as rainhas enviam a familiares e vice-versa. E no final do livro ainda temos direito a uma carta de uma das damas das rainhas, para concluir a estória que acabámos de ler.No final ainda há uma pequena explicação sobre as várias personagens mencionadas ao longo do livro, divididas pelas respectivas cortes. O livro não é mau de todo, mas falha em algumas coisas. O mais grave são os erros históricos, a autora escreve que Vila Viçosa fica bem perto de Lisboa (são quase 200km de distância que no séc. XVI deviam levar uns dias a percorrer) e atribuí a construção do Hospital Real de Todos-os-Santos a D.Manuel I (pelo que li noutros livros, D.Manuel só continuou as obras e inaugurou. Quem o mandou construir foi D.João II). Não sou historiadora, por isso acredito que possam haver mais erros.A isto ainda se juntam os erros de tradução e/ou revisão: numa página chamam D. Manuel a D. Miguel da Paz, noutra deixaram passar "forma" quando o que faz sentido na frase é "foram" e no final do livro (na explicação das diferentes personagens e cortes mencionadas) casam Catarina de Habsburgo com D. João II (em vez de D.João III), que morreu 12 anos antes de ela nascer (basta recuar 3 ou 4 páginas no livro para o confirmar).